Weird: Truth is Stranger than Fiction (PC)

Nos anos 90 vimos uma enxurrada de jogos adventure point-and-click, desde os titãs do gênero como Day of the Tentacle, Grim Fandango, Full Throttle, Myst, etc, até os menos conhecidos por aqui como Beneath A Steel Sky, Blade Runner e I Have No Mouth, And I Must Scream. Pensando no sucesso que o gênero vivia nos anos 90, uma empresa tentou emplacar um titulo que seguia os passos de Myst mas que nunca seria tão falado ou conhecido quanto: Weird: Truth is Stranger than Fiction.

Weird: Truth is Stranger than Fiction foi lançado exclusivamente na Europa para PC em 1996, o jogo foi desenvolvido pelo estúdio TwoPointZero e publicado pela McGraw Hill Home Interactive, que já tinha em seu histórico alguns jogos educacionais de computador que nunca atingiram o sucesso. O jogo foi divulgado como sendo um adventure, porém ele mais se parecia com uma ‘enciclopédia de curiosidades de horrores’ do que com um jogo de fato, fazendo com que possa ser categorizado como mais um jogo educacional, marca registrada da McGraw Hill Home Interactive.

O gameplay é muito parecido com Myst, o jogador deve explorar as salas, esporadicamente resolvendo poucos puzzles (que são extremamente simples) para finalmente poder ler uma curiosidade macabra (porém verdadeira) sobre o mundo. Não são todos os ‘artigos’ que exigem a solução do puzzle. O jogo procura ser interessante para pessoas que tem o minimo de curiosidade em bizarrices, criaturas míticas, alienígenas e em boa parte consegue, visto que a maioria dos fatos que o jogo apresentam são de fatos inexplicáveis e deixam o jogador com a pulga atrás da orelha. Por conta de seu conteúdo, o jogo exige um domínio da língua inglesa para a compreensão do que está sendo explicado.

Weird: Truth is Stranger than Fiction Screenshot 36263
Uma das salas do jogo, onde o jogador pode interagir com alguns objetos e conhecer mais sobre as curiosidades.

Para a época em que foi lançado, uma época sem Wikipedia e que ainda usávamos o Microsoft Encarta, provavelmente era muito divertido ter todas essas informações que o jogo mostra de uma forma mais interativa, contando com depoimentos, scans, e etc, porém o tempo com certeza tornou este tipo de software obsoleto, valendo apenas para conhecer como costumava ser o passado, onde as informações não estavam por todos os lados e talvez histórias bizarras como as contadas no jogo não eram tão facilmente encontradas.

E você, já conhecia esse desconhecido point-and-click? Ficou com vontade de testar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: