PC-FX – O Sucessor Esquecido

Na era dos 16-bits, Super Nintendo e Mega Drive brigavam para ver qual iria ocupar o invejável lugar nas salas dos milhares de lares que estavam apenas conhecendo os videogames.

O que muitos não sabem sobre essa briga de titãs (SNES x MD) é que existia uma terceiro console, o PC-Engine (TurboGrafx-16 nos EUA), ele é um console desenvolvido em colaboração pelas empresas Hudson Soft e NEC.

Hudson Soft – Empresa que viu seu início junto com o mercado de T.I. mas que após um tempo começou com o desenvolvimento e publicação de software/games.
NEC – Gigante japonesa que tinha um mercado estabelecido no Japão com produtos como o PC-88 e PC-98, computadores pessoais que tinham uma incrível biblioteca de games.

Foi lançado em 1987 no Japão e em 1989 nos EUA, conseguia bater de frente sem fazer feio com o poderoso Super Nintendo e também não ficava atrás do Mega Drive, apesar do hardware mais fraco.

Mas Kriko, porque estamos falando sobre isso?

Apenas para nos localizarmos na história do console, já que o PC-FX é a continuação direta do PC-Engine.

O PC-FX foi lançado em dezembro de 1994 apenas no Japão (pelo preço aproximado de $499 USD), contava com um processador de 32-Bits e arquitetura desenvolvida pela própria NEC, com estas configurações era o console doméstico mais capacitado, até então, para jogos FMV (Full Motion Video), pois conseguia exibir este tipo de conteúdo em 30fps, utiliza o CD-Rom como mídia principal e possui nativamente uma saída S-Video para mostrar a sua resolução de 341x240p em toda a sua glória!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Porém, a história desse console muda quando sabemos que ele tinha como concorrentes Sega Saturn e Sony Playstation, ambos consoles que já eram capazes de produzir gráficos 3D, algo que o PC-FX não conseguia, já que desde sua origem tinha sido concebido para ser a melhor máquina para gráficos 2D.

O PC-FX viu em sua biblioteca de apenas 62 jogos, que foram lançados ao longo de seus 4 anos de vida, destes, podemos destacar:

Super God Trooper Zeroigar: Único shmup do sistema, gênero favorito deste que vos escreve. O jogo também conta com uma tradução para o inglês feita por fãs.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Kishin Doji Zenki: Vajura Fight: O jogo é um ‘beat’em up’ em que você pode escolher entre 2 personagens. Apesar de ser todo em japonês, é facilmente aproveitado por pessoas que não falam a língua.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Como o console foi lançado apenas no Japão, todos os jogos (com exceção dos 2 anteriores) necessitam do mínimo de compreensão da língua Japonesa.

Agora você conhece mais esse console obscuro que também foi lançado apenas no Japão!

*Curiosidade: Em 1995 a NEC lançou o PC-FX Game Accelerator, uma placa compatível dedicada aos computadores da série PC-98xx e os IBM-PCs, que os dava a capacidade de rodar os jogos do PC-FX. Na caixa estavam inclusos: A placa em si, um controle do PC-FX, o driver da placa e um software de desenvolvimento básico de games (Engines de luta e RPG). A placa possuía saída S-Video, composto e algumas saídas de áudio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: